Essa torta é um curinga da cozinha. O preparo é simples demais e não suja quase nada

Torta de carne moída

Torta de carne moída é um curinga da cozinha. É fácil de fazer e o resultado é excelente para você arrancar elogios num almoço ou jantar.

Quando afirmo que a receita é fácil é porque a dificuldade de preparo é zero. É só juntar todos os ingredientes e colocar para assar. Você vai obter uma torta de carne moída bem cremosa, por causa do requeijão e dos queijos da cobertura.

Você pode decorar a torta com tomates-cereja e outros vegetais que você goste, como azeitonas, por exemplo. Isso fica ao gosto de cada um. E quanto à carne, eu usei de segunda mesmo por causa das gordurinhas. Mas pode ser de primeira também. A torta não vai ficar seca por dentro. Bom apetite!

 

Ingredientes

  • 500g de carne moída
  • 3 dentes de alho picados
  • 1 cebola picada
  • 1/2 pimentão picado (usei amarelo, mas pode ser de qualquer cor)
  • 2 tomates picados
  • 1 colher de sobremesa de sal
  • 1 colher de sobremesa da páprica doce
  • orégano a gosto
  • 1 ovo
  • 4 colheres de sopa de farinha de trigo
  • 1 copo de requeijão
  • muçarela ralada
  • parmesão ralado
  • tomates-cereja para enfeitar

Como fazer

Tempere a carne moída com a cebola, alho, pimentão, tomates, sal, páprica e orégano. Misture bem. Acrescente um ovo cru, misture, e adicione a farinha de trigo, uma colher por vez. Misture bem a cada colher.

Unte uma assadeira ou um refratário que acomode a carne sem deixar a camada da torta muito grossa. Espalhe bem a carne temperada. Cubra com o requeijão. Espalhe bem. Por cima distribua muçarela ralada na quantidade que você gostar. Coloque os tomatinhos e, em seguida, polvilhe com parmesão ralado.

Leve para assar em forno preaquecido a 200 graus por 45 a 50 minutos. Retire do forno e deixe esfriar por uns cinco minutos. Sirva com o acompanhamento de sua preferência.

Serve seis pessoas.

Compartilhe:
Eduardo de Azevedo

Nasceu em Porto Alegre, mas cresceu na cidade de Canela, na Serra Gaúcha. Formado em jornalismo pela Unisinos, em São Leopoldo/RS. Radicado em Pernambuco desde 1993